É parte do DNA FRLN promover soluções jurídico-negociais, potencializando o empreendedorismo, o desenvolvimento social e econômico do nosso país. Para tanto, acreditamos que as estruturas dos escritórios de advocacia devam estar atreladas à preocupação com valores como dignidade humana e solidariedade com o próximo. Acreditamos que reconhecer nas diferenças e adversidades a semelhança que une todos os membros de nossa sociedade gera melhores resultados e é a chave para uma sociedade mais evoluída.

É por enxergar com seriedade o DNA FRLN, que a nossa equipe de profissionais se dedica à advocacia no formato pro bono, expressão de origem latina que em tradução livre e literal significa: “para o bem”. Trata-se, portanto, da atividade causídica direcionada para promover, gratuitamente, o bem, através da prestação de serviços jurídicos de qualidade aos mais necessitados. Há de se ressaltar que a atividade jurídica pro bono não concorre com a assistência jurídica pública gratuita, muito pelo contrário, ela serve como suplemento de acesso amplo e irrestrito ao Poder Judiciário.

Para além de todas as benesses já consignadas, a advocacia pro bono aponta para uma grande vantagem: o desenvolvimento e a maturação dos perfis institucionais dos escritórios, pois expande o campo de percepção jurídica e sensibilidade social, tão caros aos artesãos da lei.

Atualmente nosso projeto pro bono é desenvolvido com a Associação de Moradores da Villa Emater II, na periferia da Cidade de Maceió. Nosso trabalho consiste em apoiar questões jurídicas que envolvam direitos difusos e coletivos daquela comunidade.